Internet deixou de ser coisa de adolescente e virou uma ferramenta de negócios

Internet deixou de ser coisa de adolescente e virou uma ferramenta de negócios

Rafael Andakum

Há dez anos, as enciclopédias ainda eram muito utilizadas pelas crianças durante os trabalhos escolares; Britney Spears era uma cantora americana desconhecida; e a internet residencial tinha velocidade máxima de 56 kbps. Dez anos depois, a web possui redes sociais, ferramentas de busca e um grande poder na troca de informações em tempo real.

A evolução se dá de forma tão rápida, que parte desse desenvolvimento passa despercebido. Conversamos com o diretor de criação Rafael Andaku que detalha alguns passos dados pela rede nos últimos dez anos. Ele garante: as redes sociais, febre do momento, serão ainda mais importantes no futuro.

Em que aspectos a internet mais cresceu nesses anos?

O e-commerce vai alcançar surpreendentes R$ 10 bilhões em vendas esse ano no Brasil. Ou seja, a internet deixou de ser coisa de adolescente e virou uma ferramenta de negócios, trabalho, relacionamento e não apenas diversão. A maioria dos internautas hoje tem mais de 25 anos. O que cresceu muito foi o uso de redes socias, como Orkut, Facebook, Twitter.

Fale um pouco do desenvolvimento do design, da interatividade e da segurança.

Os sites ficaram mais amigáveis, fáceis de navegar. Hoje, recursos de audio e video são largamente utilizados na internet. Os sites hoje são muito seguros. É quase impossível hackear um website bem construído e seguir as regras de segurança da internet. É mais seguro visitar uma loja e um banco na internet para fazer uma transição comercial do que ir à loja física. O problema de segurança são os prórios internautas, que muitas vezes baixam vírus de e-mails, ou visitam sites de hackers e acabam expondo a segurança de seus dados pessoais.

Quais desafios ainda estão por vir?

O maior desafio é a democratização da internet. Também vejo que o empresariado brasileiro ainda não acordou para as possibilidades da internet como em outros países. Não temos muitas grandes empresas que explorarm o mercado da internet. É uma pena pois as empresas que mais cresceram nos EUA foram aquelas que adotaram a Internet como uma importante ferramenta de inovação, como o Google e a Apple.

É possível prever como a internet será daqui a dez anos?

Prever a internet é muito difícil, pois surgirão novos empreendedores e cientistas com grandes ideias que poderão revolucionar o que conhecemos hoje. Entretanto, existem tendências muito claras, como o aumento de uso e importância das redes sociais. Mais pessoas vão aderir a esse meio. As redes sociais serão um meio de formação de opinião. Elas serão uma fonte tão importante como a TV e o jornal. A mobilidade vai virar mania. Encontraremos muito mais pessoas acessando a internet por meio de celurares e dispositivos móveis do que desktops. Convergência de meios será uma realidade. Provavelmente, TV e computador estarão em um mesmo aparelho eletrônico.

Fonte:  A Gazeta – em 22/12/2009

P.S: Entenda um pouco mais sobre o Poder das Mídias Sociais no vídeo abaixo:

About these ads